Home  //  Informações  //  Última Notícias  //  Geral
Geral
Por Lailson Bundt   
Sexta-Feira, 28 de Junho de 2013, 09:08.

 

Brasileiro e Gaúcho de Velocross agitam Dom Pedrito


Dom Pedrito, é uma das precursoras do Veloterra no Brasil. Agora, entra definitivamente para o cenário nacional da modalidade sediando a 2ª etapa do Campeonato Brasileiro e 4ª etapa do Gaúcho de Velocross neste final de semana, dias 29 e 30 de junho. A cidade será “invadida” pelos melhores pilotos de velocross do Brasil.

A expectativa do Moto Clube de Dom Pedrito é que cerca de 300 pilotos de várias regiões do Brasil e também do Uruguai lotem as dependências do Motódromo Chico Giacomini. Localizado dentro da área urbana, o motódromo conta com toda a estrutura necessária para acomodar os visitantes. “Estamos ansiosos, afinal de contas, foram alguns meses de intenso trabalho, não vemos a hora de ver o público e pilotos lotarem o motódromo”, comentou Paulo Viero, membro do Moto Clube e coordenador da obras de reforma da pista.

O Campeonato Brasileiro de Velocross chega a Dom Pedrito com dois gaúchos na liderança de duas das principais categorias, Lucas Basso na VX1 e Fernando Sanches na VX3, além do Brasileiro, os dois pilotos também são líderes no Campeonato Gaúcho de Velocross,  Lucas é o líder na categoria VX2 e Fernando lidera as categorias VX3 e VX4.

Com uma vitória na primeira etapa do campeonato Fernando Sanches vê na etapa de Dom Pedrito, uma grande oportunidade de manter a liderança da VX3 e quem sabe assumir a ponta na VX4. “A primeira etapa foi muito difícil, a pista não era nada parecida com a que estamos acostumados a andar, muitos paredões em uma pista muito rápida. Estou confiante para Dom Pedrito, já competi na pista em um campeonato regional e me dei bem, espero repetir os resultados neste final de semana novamente”, comentou Fernando.

O atual Campeão Brasileiro nas categorias VX2 e VX1, Lucas Basso encara a etapa de Dom Pedrito com o objetivo de manter a liderança na VX1 e recuperar o prejuízo na VX2. – “Ao contrário da VX1 tive um começo complicado na VX2 no Brasileiro de Velocross no Paraná, a prova foi disputada no barro e tive problemas acabando em oitavo. A pista de Dom Pedrito é muito boa, mesmo sendo rápida exige bastante técnica. Vou dar o meu melhor para sair de lá com grandes resultados”, comentou Lucas.

 
Fonte: FGM
 

Todas as Notícias

Cidade

Tradicionalismo

Geral

Agronegócios e Meio Ambiente

Notícias do Executivo

Notícias do Legislativo

Polícia

Saúde e Lazer

Previsão Climática

Voltar ao topo